Makeover


Há uns anos, mais precisamente cinco anos e meio, através da revista Activa, resolvi mudar o meu visual.
Na altura tinha acabado de ser mãe pela segunda vez e sentia que precisava de mudar. Eu queria mesmo mudar. E se mudei.
Num dia  bem cedinho, lá fui eu direitinha ao salão do Patrick na Avenida da Liberdade. Ia nervosa, ansiosa e com o coração aos pulos, mas não desisti e lá entrei eu no salão, directamente de uma aldeia perdida e com a auto-estima bem  em baixo.
Tal qual uma mamã gata borralheira lá fui eu para as mãos do Patrick que me fez um corte arrojado. Era para mudar e eu mudei. Radicalmente. Passei de um cabelão enorme para um corte bem curtinho. Adorei! E depois de ter sido bem maquilhada pela Cristina Gomes eu sentia-me linda, linda!
Tirei fotos, apareci na revista e ainda hoje há na minha aldeia quem fale do assunto...
Foi um dia inesquecível, uma experiência de sonho, principalmente para quem vive num meio pequeno, como é o meu caso.
E quanto ao cabelo? Bem, depois de ter tentado sem sucesso repetir o corte ( é verdade, nenhuma cabeleireira da minha zona conseguiu igualar o cabeleireiro da Bárbara Guimarães), deixei crescer novamente o cabelo,
E não foi tarefa fácil, mas agora sinto-me bem com ele grande e cada vez mais claro. E quem é que disse que não posso ser uma loira com cabelo comprido aos quarenta?


Patrick
Patrick
Cristina Gomes
            
Ah...na foto eu tinha acabado de chegar a casa e acho que o meu pequenino não gostou. Então a mãe já não tinha cabelo para ele puxar? Toma lá uma bolsadela... ora reparem bem na gola da camisola...

21 comentários :

  1. Sem dúvida alguma uma mulher Linda aos 40.
    E estou em crer que, cabelo curto ou comprido, escuro ou claro, ficas sempre linda.

    ResponderEliminar
  2. És mesmo muito bonita, e adorei esta foto com o cabelo curto. Agora tens de colocar outra com o cabelo comprido! bj:)

    ResponderEliminar
  3. Gira Gira Gira...

    E realmente o corte ficava-te muito bem.

    Tens que colocar uma foto do agora para fazermos a comparação.

    ResponderEliminar
  4. Não tem a sensação que não tem 40 anos? Eu tenho (só tenho 39)mas às vezes sinto-me estranha, não sei se as outras mulheres sentem o mesmo mas eu tenho a mesma cabeça que tinha aos 20. Acrescem duas filhas e um marido mas não sinto o peso da responsabilidade e da idade. Bem Haja!

    ResponderEliminar
  5. Tu és um poço de surpresas. Qq dia ainda nos contas q ganhaste o loto! :)
    Tu és gira, loura, com cabelo escuro, curto ou comprido. :) E mais nada!

    Beijoca

    ResponderEliminar
  6. És muito gira. Que olhos espectaculares. Gostei de te conhecer.

    Paula

    ResponderEliminar
  7. Olha! Ainda não tinha ouvido por aki, essa que tinhas estado na revista Activa. Boa! Ficaste linda e com os olhos ainda mais realçados! Mas agora tb estás bem! Jocas

    ResponderEliminar
  8. Esse corte favorece-te muito, os olhos ficaram incríveis!
    Eu também já cortei o meu cabelo no Patrick e ele fez-me uma mudança radical que adorei. Fiquei com vontade de lá voltar.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. Adoro cabelos curtos, e fica-te lindamente ;)
    Sophie*

    ResponderEliminar
  10. Adoro mudanças radicais, mas nem sempre é fácil encontrar alguém que o consiga fazer bem feito!

    Linda!!!

    ResponderEliminar
  11. Linda de qualquer jeito. :)

    beijo

    ResponderEliminar
  12. Ena que tratamento de luxo:) Deve ter sido um máximo estar nas mãos dos melhores, eles tiveram a tarefa facilitada por terem uma cliente tão bonita. Gostei desta história:) bjos

    ResponderEliminar
  13. Que linda!
    Com essa carinha, qualquer penteado fica bem! :)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  14. Linda!! E estou de acordo, o cabelo é secundário pois qualquer corte te vai ficar lindamente! :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. quando uma pessoa é bonita, é sempre bonita, de cabelo curto ou comprido, e tu és bonita :D


    bjs*

    ResponderEliminar
  16. Mané,

    Eu acho que fiquei nos 29:)

    ResponderEliminar
  17. a rainha dos concursos :)

    ResponderEliminar
  18. Que gira.
    Eu também vivi essa experiência através da mesma revista e posso dizer que adorei! Só tenho pena de nunca mais ter conseguido "repetir" o corte! Carla

    ResponderEliminar