Presente inesperado...

Nem imagino como seria há uns anos atrás, sem estas novas tecnologias que nos permitem estar mais próximos, estando tão longe fisicamente.
E que nos permite também receber presentes inesperados de alguém que está a mais de sete mil quilómetros de distância...






5 comentários :

  1. Ai Sofia...!

    É bom sim Senhor...E quem está longe jamais esquece!:)

    Beijinho Grande*
    Está quase...:)

    MR<3
    Blog Saga da Emigração

    ResponderEliminar
  2. É tão bom... surpresas destas!!!!

    Usei o mesmo truque para felicitar o meu Pai, neste último aniversário em que eu já estava em Angola.....

    Vivam as Novas Tecnologias e a FNAC também!!!

    ResponderEliminar
  3. A isso chama se Amor com letra grande

    ResponderEliminar