Nós e o Anselmo...

Sumbe, agosto 2014

Leiria, maio 2015

Quando no ano passado fomos a Angola passar um mês,conhecíamos apenas uma música do Anselmo Ralph. Contudo, logo no primeiro dia em que saímos de carro, fomos abordados numa bomba de gasolina por um miúdo que nos queria vender cds. Eu não resisti e comprámos-lhe um do Anselmo, tendo o Luís comentado que se calhar o cd nem iria dar. E enganou-se.
Foi um mês a tocar quase non-stop no carro (não ficámos fãs da rádio em Angola) e à força disso aprendemos as letras da maioria das músicas.

Ontem, foi dia de concerto do Anselmo aqui em Leiria (hoje é feriado) e conseguem adivinhar quem estava mesmo na primeira fila? Pois...eu e o Miguel!
O concerto valeu bem a pena, com muitas crianças a assistir, bailarinos fantásticos, um Anselmo que se mostrou afetuoso e muitos arrepios sempre que mostravam imagens de Angola.

Há muita gente que torceu o nariz ao ouvir falar do concerto do Anselmo, mas nós gostamos, somos fãs e fomos os três assistir, cantar o que sabemos de cor e matar um bocadinho de saudades dos ritmos e cores de Angola.

Não há volta a dar...temos saudades dos horizontes sem barreiras*

* Alda Lara, poetisa Angolana 

Sem comentários :

Enviar um comentário