Natal 2016. Menos prendas, mais abraços...



 Fotógrafo: Miguel, 12 anos

Este ano foi assim. O Gonçalo teve direito a uma mini coluna e o Miguel um jogo para a PS4. Uma prenda no sapatinho para cada um. Eu e o Luís não trocámos presentes como combinado. À minha mãe, sogros, tias e primos oferecemos uma prendinha simbólica... Ofereci umas meias quentinhas aos meus vizinhos e surpreendi duas senhoras da minha aldeia com écharpes iguais a uma que tenho. Aos meus sobrinhos dei dinheiro e um objeto meu que me dissesse algo (basicamente livros meus).

Ofereci também muitos abraços e sei que  ainda me falta apertar gente nos meus braços... Não tenho braços compridos, mas os meus braços facilmente se estendem para abraçar...
Este ano foi assim. E foi bom!

2 comentários :

  1. A pipoca mais doce e o arrumadinho separaram-se!

    ResponderEliminar
  2. O Miguel tem jeito para captar o momento.

    Bom ano para todos.
    SJ

    ResponderEliminar