(F)utilidades

Às vezes dou por mim a pensar que devo ser muito fútil...
Interrogo-me se terei assim tanta necessidade  de ter no meu armário creme de corpo, creme de mãos, creme para de pés, creme para o contorno dos olhos, creme para o rosto de dia, de noite, anti-rugas, para as manchas...E gostar assim tanto de roupinhas e sapatinhos...quando à nossa volta o desemprego não dá tréguas.
Na verdade, eu também adoro ler ( e leio muito), preocupo-me com o ambiente e  ajudo os outros sempre que posso (ainda hoje às 8:10 cá estava mais uma velhinha para levar para o Centro de Saúde )..., mas depois penso que talvez valorize demais a imagem e que a imagem não é tudo e etc etc... Mas então em que ficamos?
Talvez o ideal seja encontrar o equilíbrio... Não é fácil... Na verdade confesso que uma boa futilidade pode ser uma boa utilidade... Ser fútil até  pode ser útil... Afinal, só um F é que distingue as duas palavras!

Sem comentários :

Enviar um comentário