Outra vez o tempo...


Hoje a minha tia fez anos. Uma tia próxima, que cuidou do meu petiz mais velho até aos três anos, que continua a cuidar sempre que peço. Pois é, ela já passou dos setenta e eu aqui toda preocupada por ir passar os quarenta...  Mas voltando ao aniversário da minha tia resolvi ir com os meus petizes levar-lhe uns presentes: creme "baba de caracol"( será que resulta?) e um lencinho catita. Acho que ela gostou, mas o que gostou mais foi da nossa companhia, tenho a certeza. Quando vínhamos a sair de casa dela é que me apercebi que há muito que não a visitava, que há muito não conversava com ela e que aquele chá que tínhamos tomado me tinha sabido tão bem... É que com a correria do dia-a-dia, de ir buscar os miúdos, do jantar, do preparar as aulas e corrigir testes, ajudar a fazer tpc, tratar da casa e da roupa, de vir à net e tal, acabo por não ter tempo para as pessoas de quem gosto. 
O tempo, sempre o tempo, nunca tenho tempo... E se o tempo de quem gosto se esgota?

6 comentários :

  1. Olá!
    Vim deixar-te um beijinho.
    Boa semana!
    E... até uma quinta-feira dessas! Gostei do teu blogue!
    Mena

    ResponderEliminar
  2. A falta de tempo afecta-nos a todos nos dias que correm.
    Temos sempre tanta coisa para fazer e 24h não chegam.
    E, como dizes, o tempo que passamos com aqueles de quem mais gostamos acaba sempre por ser o mais sacrificado, infelizmente...
    Big Kisses

    ResponderEliminar
  3. Olá!

    Posso dizer que o presente vai ser bem dado já que Baba de Caracol é uma maravilha da natureza! Já uso há 2 meses e estou fã... Ao início parece estranho mas é assim tipo gel com um cheiro muito agradável e de rápida absorção.
    Eu experimentei desta loja on-line e até agora tudo excelente!

    1 bj

    PS- faltou dizer a loja ehehe www.babacaracol.com

    ResponderEliminar
  4. Anda muita gente a falar dessa baba de caracol... é mesmo eficaz?

    ResponderEliminar
  5. Acho que não foi dessa marca que comprei... Andava indecisa se deveria comprar um para mim...acho que vou experimentar a marca que sugeres.
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. O tempo dedicado aos que amamos, que hoje nos parece pouco, amanhã irá parecer-nos ainda menor. Quando os que moram nos nossos corações partem não são apenas as saudades que nos deixam, ficam também os momentos de boa memória. Eu, que trabalho como uma louca (vamos lá a saber para quê! Realização pessoal?)com o passar dos anos sinto cada vez mais saudades essencialmente daqueles com os quais ainda hoje posso conviver, familiares e amigos e que devido à dita "falta de tempo" continuamos com dificuldades em acertar as nossas agendas. Passam-se os dias, os meses e quando me volto a cruzar com os meus mais novos já nem sei quantos anos têm (acontece que por vezes as prendas de Natal são com um tamanho abaixo!!!!!)
    De qualquer forma aproveito sempre que os vejo para lhes dar um abraço, apesar de eles partirem logo para as suas brincadeiras. Isso é próprio do seu tempo.
    Tenho saudades VOSSAS.
    Beijos
    Filomena

    ResponderEliminar