Vive e aprende, Sofia!

286752701243471113_w7nyxikj_c_large
Finalmente a escrever depois de uma semana de correrias. Ter em casa dois holandeses hospedados foi tarefa que me deu trabalho extra. Não costuma ser assim e, cá em casa, estamos habituados a ter visitas de outros países. O problema deve ser meu, que já não devo ter a paciência do costume, mas deixem-me desabafar...
A verdade, eu assumo, é que eu tenho a mania de pensar que os homens lá fora costumam partilhar mais as tarefas, as ditas domésticas, do que os portugueses. Para me curar da mania, eis que os senhores que por aqui pernoitaram se incumbiram de me mostrar a luz.
Depois de uns dias a fazer torradas sem fim, a fazer chá, a pôr e a levantar mesa de pequeno-almoço, a baixar tampas de sanita (acho que isto é que me deitou abaixo) e a zelar por suas excelências, descanso. E enquanto escrevo este post uma certeza fervilha pela minha mente: cada vez gosto mais dos homens portugueses!

Sem comentários :

Enviar um comentário