Regressar...


Regressámos os quatro e ainda bem. Para lá a viagem correu toda sem incidentes, mas para cá o nosso voo partiu com um atraso de cerca de sete horas. Sabem o voo para Luanda que teve problemas na sexta? Pois...como partiu de Lisboa atrasado, chegou tardíssimo e assim, em vez das 21:45, partimos às 5 da manhã. Já passou, mas foi a única vez em trinta dias que me senti um bocadinho desanimada...É que depois de uma viagem de quatro horas de carro até Luanda, saber que o voo estava atrasado e a história do avião voltar atrás, mexeu comigo. E os mosquitos no aeroporto? Ui...foi a única vez que o Miguel foi picado (e  estava com repelente), mas foi o suficiente para me deixar um bocadinho nervosa. Deram-nos um voucher para o jantar e quase nenhumas explicações... Fiquei um bocadinho ressentida com a Tap, confesso. Ouvem-se muitas histórias, mas quando as sentimos na pele...Pois, vocês sabem.
Mas, mal chegámos, esquecemos tudo de menos bom. Abraçar a família, a nossa cadela tonta, ver que o nosso gatinho à nossa espera, a nossa casa...

E regressar a quatro e saber que temos quase um mês para estarmos juntos é maravilhoso. Já me perguntaram como é que conseguimos combinar as coisas tão bem para bater tudo certinho e passarmos o maior  número de dias juntos.  Pois fizemos assim: eu passei as minhas férias em Angola enquanto o Luís trabalhava, o Luís prescindiu de uma viagem e juntou dois períodos de férias e marcamos as viagens tendo em conta a data em que a empresa dele marcou. E agora assim escrito, parece tão fácil, mas tive momentos em que duvidei se conseguiríamos.

Setembro é um mês de recomeços e estarmos juntinhos faz com que tudo tenha um sabor ainda mais especial. E, como tanto se diz em Angola...ESTAMOS JUNTOS!

6 comentários :

  1. Foi bom acompanhar as suas "crónicas" enquanto estava por lá. Quanto ao avião, os franceses costumam dizer "tout est bien qui finit bien", acabou tudo bem, chegaram os 4 em paz e é isso que é o fundamental! Bjs

    ResponderEliminar
  2. Ai sofia....

    Quantas e quantas vezes o J. me respondeu:"Tamos juntos, yap?". É verdade que, quando se quer, tudo se consegue.

    Beijinho enorme*
    MR<3
    Blog Saga da Emigração

    ResponderEliminar
  3. Ontem (a bem dizer foi ontem e hoje) também fui presenteada pela Sata com mais de 4 horas de atraso.
    Mas agora o mais importante é que vocês aproveitem ao máximo o tempo juntos por cá, aliás como fizeram por Angola =).

    ResponderEliminar
  4. Olá. Sejam bem regressados à Lusa Pátria. Os percalços fazem parte da vida. O importante é que tudo termine bem. Quanto às peripécias... é normal.
    Mais uma vez agradeço a visita que nos fizeram à Ondjoyetu e esperamos poder ver-vos lá mais vezes.
    Um abraço e bom Setembro em família. Eu zarpo para Angola já na quinta-feira. Luís, até lá.

    P. Vítor Mira

    ResponderEliminar
  5. Que boas notícias!
    Gosto tanto de ver a vossa família junta!
    Beijinhos,
    Paula
    vidademulheraos40.blogspot.com.

    ResponderEliminar
  6. Olá Sofia,

    Gostei muito de ler os seus 'diário' ao longo desta sua viagem e sem dúvida o importante é que chegaram bem e que teem mais 1 mês para desfrutarem os 4 :-)

    Beijinhos grandes e continuação de muito tempo juntinhos :-) :-) :-)

    ResponderEliminar